Psicologia

02/02/2017

Dar Limites é Amor

O que é dar Limites: 

  • Ensinar que os direitos são iguais para todos;
  • Ensinar que existem OUTRAS pessoas no mundo;
  • Fazer a criança compreender que seus direitos acabam onde começam os direitos dos outros;
  • Dizer “sim” sempre que possível e “não” sempre que necessário;
  • Só dizer “não” aos filhos quando houver uma razão concreta;
  • Mostrar que muitas coisas podem ser feitas e outras não podem ser feitas;
  • Saber discernir entre o que é uma necessidade dos filhos e o que é somente desejo;
  • Ensinar que a cada direito corresponde um dever e, principalmente...
  • Dar o exemplo (quem quer ter filhos que respeitem a lei e os homens tem que viver o seu dia-a-dia dentro desses mesmos princípios ainda que a sociedade não tenha apenas indivíduos que ajam dessa forma)!

 

O que é perder os limites: 

  • Bater nos filhos para que eles se comportem (quando se fala em limites, muitas pessoas pensam que significa aprovação para bater ou espancar).
  • Fazer só o que vocês, pai e mãe, querem ou estão com vontade de fazer; (autoritarismo).
  • Dar ordens sem explicar o porquê, agir apenas de acordo com seu próprio interesse, da forma que lhe aprouver, mesmo que a cada dia sua vontade seja inteiramente oposta à do outro dia, (por exemplo);
  • Gritar com a criança para ser atendido;
  • Deixar de atender as necessidades reais;
  • Invadir a privacidade a que todos têm direito. 

Como disciplinar:

É muito mais fácil perder a autoridade do que conquistá-la.

Portanto, ao lidar com seus filhos, lembre-se: 

  • Cumpra o que disse: Não ameace; prometeu, faça.
  • Seja coerente: o que não pode, não pode, (salvo raras exceções); não mude de atitude como quem muda de roupa. Só estabeleça regras efetivamente necessárias.
  • Não diga o que ele tem que fazer ajude-o a pensar o que é melhor para ele. 
  • Estimule a visão de consciência, mas não esqueça que as vezes precisamos primeiro experimentar para depois concluir.

 

Cuidado com a LINGUAGEM e a forma de tratar o seu filho que eles aprenderão com você como tratá-los no futuro. (palavrões, agressividade, etc.).

Educar com RESPEITO é olhar o outro como uma pessoa e não como alguém MENOR do que você. 

Dar limites aos filhos, na verdade, não é uma tarefa fácil.

Demanda muitos anos de paciência, perseverança, e, especialmente, confiança e segurança no que se está fazendo.

No entanto, com todo o trabalho que dá, o resultado é extremamente compensador. Vale a pena! É a nossa colaboração, como pais, à sociedade como um todo. Afinal, construir cidadãos é a melhor obra que se pode desejar fazer...

 *Os filhos se guiam sozinhos a verdadeira formação é feita através do exemplo moral. O autoritarismo leva a insegurança ou a rebeldia.