Meditação

09/02/2017

Arte da Alquimia Mental através da Meditação

Arte da Alquimia Mental através da Meditação

Na visão do Tantra, todos os deuses, deusas, demônios e espíritos são reflexos de processos internos, todos os paraísos e infernos correspondem a manifestações de nosso ser mais intímo. A grande jornada de guerreiro, no processo da evolução pessoal, se dá com constante atrito entre a luz, nosso Deus Interno, e a sombra,  nosso demônio interno.

No Universo tudo é energia. Toda energia vibra. Essa vibração pode ser de alta frequência, tornando a energia sutil e sublime, ou pode ser de baixa frequência,  densa e material. Quanto maior a frequência vibratória, mais espiritual, quanto mais densa, mais material e carnal.

Como postula o terceiro princípio Hermético, o Principio da vibração: “Nada está parado, tudo se move, tudo vibra.” Este princípio explica que as diferenças entre as diversas manifestações da matéria, energia, mente e espírito, resultam das ordens variáveis de vibração. A Ciência provou que o que chamados de Matéria e Energia é simplesmente um modo distinto de movimento vibratório. Os fenômenos da Mente também são, de modo semelhantes, vibração e movimento.  

Substância Etérea é a substância que preenche o vazio entre os quatro elementos: Ar, Fogo, Terra e Água. O elemento que penetra e preenche o espaço é o elemento Etér. Essa substância Eterea é de extrema elasticidade e serve como meio de transmissão das ondas vibratórias. Através disto que ocorrerm as transmissões de pensamento e a lei da atração. Toda a manifestação do pensamento, emoção, raciocínio, vontade, desejo, qualquer condição ou estado, são acompanhados por vibrações, uma porção das quais é expelida e tende a afetar a mente de outras pessoas e a materialização dos pensamentos.


A meditação se expande do corpo e da matéria para outras dimensões, abrindo

correntes ocultas de bioenergia, influenciando o físico, as emoções e

o campo energético ao teu redor.